Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

russomanias

russomanias

O meu gato Tonecas adora o FACEBOOK

Não vou mentir, adoro o Facebook.  Mas tenho alguns amigos meus que não gostam tanto, pois é "perigoso", dizem. Claro que lá lhes vou dizendo que quando apareceu o telefone em nossas casas isso também se tornou num perigo, pois passamos a ter facilidade em ligar a quem não deviamos. E o aparecimento do automóvel também foi um facto muito perigoso, pois a partir daí tornou-se muito mais fácil dar umas "curvas" com quem não deviamos. Enfim, vivemos num mundo altamente "perigoso" e todo o cuidado é pouco. Tenho até uma pessoa amiga que tem Facebook mas que "proibiu" o marido de o ter, pois que, segundo ela, as mulheres hoje em dia andam como loucas atrás dos homens de 50 anos. E é por isso que eu adoro tanto o meu gato Tonecas, que sempre que me vê no computador não deixa de me transmitir o seu ar de satisfação, despreocupação e tranquilidade... mas ao mesmo tempo de desconfiança.

 

Por vezes não deixo efectivamente de me rir com algumas tonterias, nada "perigosas", que algumas figuras caricatas plasmam no Facebook, como as daquelas pessoas que volta e meia anunciam que "vão fechar a loja" e desejam tudo de bom aos seus "amigos", para logo passados dois meses voltarem a carregar no botãosinho do pedido de nova "amizade". Também me divertem bastante aqueles "amigos" e "amigas" que anunciam que vão fazer uma "limpeza" na sua lista de amizades, pois segundo eles não merecem ser "amigos" quem nunca diz nada... nem sequer no dia do aniversário. É claro que fico muito preocupado quando vejo tanta gente, como disse um "amigo" meu, a necessitar de "colinho", pois que apesar das centenas largas de amizades que cada um possa ter no Facebook, a verdade é que "amigos" verdadeiros serão sempre somente uma mão cheia deles... e por vezes nem tanto.

 

Por isso percebo a tolerância e adoração do meu gato Tonecas pelo Facebook pois, como em tudo na vida, ele confia sempre... desconfiando.